Arquivo

Arquivo da Categoria ‘Sem categoria’

COLUNA DE HOJE: 30/12/2020

30, dezembro, 2020 3 comentários

Até breve, ou adeus

  Estas podem ser as últimas linhas que o colunista redige e assina depois de mais de 30 anos. Escreve isso porque reservou janeiro como um mês sabático para pensar e decidir se deve continuar ou fazer sua retirada definitiva deste gênero, do qual, confessa, não está mais à vontade diante de seu crescente descrédito e mercantilização, em todos os sentidos,  e se dedicar a outros afazeres jornalísticos. Da forma como quer e sempre gostou de fazer, redigir estas linhas diárias, com isenção e independência, tronou-se tarefa a exigir cada vez mais tempo, dedicação e paciência para suportar aborrecimentos, sem que haja compensações, inclusive financeiras, como patrocínios. Janeiro, até dia 31, será um tempo para pensar e decidir. De qualquer forma, o colunista agradece seus leitores pela deferência nessas três décadas e deseja a todos um feliz 2021.

 

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Cegueira

30, dezembro, 2020 Comentários desativados

   O Ministério Público Federal em SC parece cego. Até agora não viu e não agiu quanto à lamentável situação de abandono e deterioração, de mais de 10 anos (só falta invasão para completar o triste quadro) de antigas instalações do INSS na supervalorizada Avenida Mauro Ramos, no Centro de Florianópolis. Completamente abandonadas e ruindo, ainda oferecem risco às pessoas que circulam no local. Só o terreno vale algumas dezenas de milhões.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Lei importante

30, dezembro, 2020 Comentários desativados

Lei importante foi sancionada pelo prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli: garante licença-maternidade de até 180 dias para os casos de adoção de adolescentes até 18 anos de idade por servidoras municipais. Até agora só era permitido para crianças até seis anos.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Descrédito

30, dezembro, 2020 Comentários desativados

   O que se viu nos últimos dias, se está vendo e se verá, certamente por semanas e meses por vir,  em vários municípios de SC, só para ficar no nosso mundo, são prefeitos aparentemente querendo impor suas medidas de restrição à mobilidade em locais públicos para evitar a covid-19, e ninguém ou poucos obedecendo, por ausência de fiscalização. Uma desmoralização generalizada.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Amigos leais

30, dezembro, 2020 Comentários desativados

Uma das pessoas mais próximas de Bolsonaro, praticamente desde o início de seu governo, é o itajaiense adotado (é carioca de nascimento) Jorge Seif Junior, secretário nacional da Pesca. Desde que assumiu, o presidente passou mais de 138 horas em lives e entre dezenas de convidados, o que mais apareceu foi Seif. Foram 29 vezes. Consta que há ciúmes diante de tanto holofote na Esplanada dos Ministérios e entorno.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Paz pública

30, dezembro, 2020 Comentários desativados

   O intrépido deputado estadual Jessé Lopes (PSL) agora vai ter que explicar melhor ao Ministério Público estadual, que logo estará no seu encalço, o que quis dizer, no dia 31 de outubro passado, em rede social, quando conclamou a população a sair às ruas, curtir uma praia e, caso não desejasse, que deixasse a máscara em casa. Isso pode ser caracterizado como crime contra a paz pública.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Gastança sem fim

30, dezembro, 2020 Comentários desativados

   Em 21 Estados e no Distrito Federal mais da metade das receitas arrecadadas por seus respectivos governos foi para gastos com pessoal entre janeiro e outubro deste ano, conforme relatório divulgado pelo Tesouro Nacional. O maior comprometimento é do Rio Grande do Sul (77%). Em SC é de 58%. O Amapá é o que menos gastas no quesito: 40%.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Dormindo

30, dezembro, 2020 Comentários desativados

   Com o silêncio da grande maioria – ali incluída a quase totalidade da bancada catarinense de 16 deputados federais – o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, não abre a gaveta onde dormita o projeto que acaba com o famigerado floro privilegiado. O sono já chega a 1.300 dias.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

Viva a impunidade!

30, dezembro, 2020 1 comentário

O corrupto concordiense Henrique Pizzolato é um privilegiado. Com base no indulto natalino concedido pelo ex-presidente Michel Temer em 2017, o ministro Luís Roberto Barroso, do STF, declarou agora extinta a pena privativa de liberdade imposta a ele, um dos operadores do esquema do Mensalão. Recebeu pena de 12 anos e sete meses de reclusão e 530 dias-multa, por corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro. Chegou a fugir para a Itália, sendo lá preso em 2014, e extraditado para o Brasil em 2015. Em 2017 cumpriu as exigências à progressão para o regime semiaberto. A defesa requereu o reconhecimento do direito ao indulto, porque ele cumprira mais de 1/5 da pena até 25 de dezembro de 2017, conforme previsto no decreto presidencial. Assim, está livre. Do que ele roubou (milhões) do meu, seu, nosso dinheiro, nada se diz.

Categorias:Sem categoria Marcadores:

COLUNA DE HOJE: 20/12/2020

29, dezembro, 2020 Comentários desativados

Outro lado

   Com era domingo e não havia como ouvir o outro lado, a SC-Gás mandou dizer, ontem,  que as tarifas de gás natural em SC são reguladas e refletem os preços pagos pela distribuidora ao supridor; que atualmente o custo de aquisição do gás e seu transporte mais os impostos representam mais de 80% da composição tarifária; que há cerca de uma década SC  possui as tarifas de gás natural mais competitivas do país; que as tarifas de gás natural no Estado passam por dois reajuste anuais considerando a atualização do custo de aquisição do insumo e seu transporte e  que em julho desse ano sofreram redução média de 13,5%. Assim, considerando as tarifas praticadas em janeiro de 2020 com as anunciadas pela Aresc para janeiro de 2021, a diferença fica acima de 5%. Como exemplo, o GNV que teve o maior percentual de aumento anunciado, de 30,17%, se comparado ao preço da tarifa bruta praticada aos postos em janeiro de 2020, o crescimento foi de 5,36%.

Categorias:Sem categoria Marcadores: