Recesso

   A imagem, relativamente verdadeira, de que a classe política ganha muito e trabalha pouco, piora com alguns exemplos, como o de anteontem, no Legislativo estadual, onde, por 20 votos a favor, oito contra e uma abstenção, não foi admitida proposta de emenda à Constituição que acabaria com o recesso parlamentar de julho.  Que se pergunte a qualquer cidadão, em qualquer lugar, o que ele acha sobre esse privilégio.

 

Categorias:Sem categoria Marcadores:
  1. rudi
    31, julho, 2020 em 08:54 | #1

    Não se dão o respeito. Só botar terno e gravata não basta. Com que moral querem impôr regras e cobrar comportamentos do restante da sociedade?

  2. Herbert
    31, julho, 2020 em 20:02 | #2

    É no minimo uma atitude de pilantragem, terceiro mundista e vergonhosa. Olho da rua com esse tipo de parlamentar.

  1. Nenhum trackback ainda.