Contato

Contato com o editor:

Endereço:
Rua Alves de Brito, 492 – Apartamento 201
CEP 88015-440 Centro
Florianópolis – SC

E-mail:
raulsartori@raulsartori.com.br

  1. 29, junho, 2010 em 18:16 | #1

    Bom dia, Hermes, estamos com sérias denuncias aqui na capital sobre roubo de terra e grilagem. Estmos lutando sozinhos e precisamos divulgar os fatos pois os ataques começaram.

    http://www.purapolitica.com.br

    Abraço!

  2. 8, julho, 2010 em 21:38 | #2

    Alô Raul

    É um prazer ter você de volta à Internet.
    Vai para minha lista de sites de leitura diária.
    Um abraço.
    Até +

    Alfred

  3. Felipe Genovez
    12, julho, 2010 em 17:13 | #3

    Quero parabenizá-lo pelo “site”, bem como pelo retorno à mídia, e recomendo que algumas matérias/artigos/comentários sejas ilustrados.
    No mais, navegar é preciso… (como Pampeu vaticinou na sua diáspora romana).
    Abraços.

  4. Ivo Dolinski
    14, julho, 2010 em 17:13 | #4

    Estava sentindo a tua falta.Vc é um bom profissional, um dos “estratossauros” do jornalismo barriga-verdade.
    Abraços

  5. Magda
    24, agosto, 2010 em 09:56 | #5

    Bom dia Sr. Raul, ao ler seu comentário na coluna Cotidiano – do Jornal O Carona, sobre sexo, não me surpreendi, pois, trabalho no centro e no período do almoço passo pela Pça XV e imediações da Catedral e Posto de Polícia, e vejo todos os dias as pessoas distribuindo esses endereços para homens. Inclusive há uma moça que distribui esses papeis em frente ao Posto da Polícia. E pelo que vejo não há interesse em mudar alguma coisa.

  6. Conrado Ildefonso Sauer
    24, maio, 2018 em 09:29 | #6

    Caro Raul, gostei do seu comentário sobre a História da África, pois como descendentes de europeus
    pouco ou nada nos foi ensinado sobre a Europa.
    Abraços Conrado.

  7. Conrado Ildefonso Sauer
    6, agosto, 2018 em 08:19 | #7

    Caro Raul, faz tempo que estou intrigado com a velocidade de só 100 km/h no trecho norte da BR 101. Difícil ver alguém andar só a 100 km/h. Já falei com o comunicador, na época da PRF e a resposta para mim foi evasiva. Não fiquei satisfeito.
    Abraços Conrado.

  1. Nenhum trackback ainda.